HFBnet - Hospital Federal de Bonsucesso
 
Comunicação Social  Notícias |   Clipping | Vídeo | HFB Informa | Informe HFB
Home
O Hospital
Gestão
Centro de Estudos
Comunicação Social
CCIH
Ouvidoria
HFB Ciência
Sua Saúde
Links
Recursos Humanos
Programa de Diabetes


  você está aqui > Home > Comunicação Social > Notícias

008/009/2006

Fique atento com o Colesterol

Por Danielle Fernandes



O Dia Nacional do Controle do Colesterol, comemorado em 28 de julho, foi criado com a intenção de ter uma data para as pessoas pararem e pensarem em mudanças de hábitos alimentares, a prática de atividades físicas, o abandono do tabaco e o controle de outras doenças, como o diabetes e a hipertensão arterial. Campanhas educativas são realizadas anualmente, nesta data, para reduzir as vítimas de doenças como infarto, derrame e arteriosclerose, causadas por altas taxas de colesterol no sangue.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia, o colesterol é uma substância gordurosa importante para vários processos orgânicos, entre eles a formação das células e a produção de hormônios, de vitamina D e de ácidos que ajudam a digerir as gorduras. Porém, o problema é que necessitamos apenas de uma pequena quantidade de colesterol no sangue, que é produzida quase que totalmente pelo fígado. O excesso acaba se acumulando nas paredes das artérias, aumentando o risco de problemas cardiovasculares.

Saiba mais sobre o colesterol

Existem dois tipos de colesterol, o bom chamado de HDL, e o mau chamado de LDL, que é adquirido pela ingestão de alimentos gordurosos de origem animal. Os níveis de LDL podem se elevar por dois fatores principais: o genético e a dieta. O fator genético é o mais importante, porém dietas inadequadas também elevam esse colesterol.

Pessoas que têm parentes diretos com colesterol alto e história familiar de arteriosclerose devem ter seu colesterol dosado com freqüência, pois possui grande tendência a ter problemas. Já a dieta rica em gorduras saturadas aumenta os níveis de LDL no sangue. Com isso, o risco de doença cardiovasculares aumenta significativamente quando o colesterol total ou o LDL estão acima dos valores desejáveis. Já o colesterol HDL, quanto mais elevado seu valor, menor o risco de doença arterial coronariana.

VALORES PARA ADULTOS EM mg/dl

 

Desejáveis

Limítrofes

Aumentados

Colesterol total

Abaixo de 200

200 a 239

Acima de 240

LDL colesterol

Abaixo de 130

130 a 159

Acima de 160

HDL colesterol

Acima de 40

-

-

Triglicerídeos

Acima de 200

-

Acima de 200

Fonte: Livro "Prevenção das Doenças do Coração" - Fatores de Risco
Autores: Celso Ferreira/Maria Teresa R. C. Carneiro - Editora Atheneu

Como é feito o tratamento

O tratamento dos altos níveis de colesterol inicia-se com mudança de hábito alimentar. O tratamento com medicamentos é destinado àqueles pacientes que são de alto risco ou para os que não respondem a intervenção nutricional. Dicas para alimentação saudável para quem sofre com alto colesterol: evite leite integral e seus derivados (queijos, principalmente amarelos, manteiga, creme de leite), biscoitos amanteigados, croissants, folhados, sorvetes cremosos, embutidos em geral (lingüiça, salsicha e frios), carnes vermelhas gordurosas, carne de porco (bacon, torresmos), vísceras (fígado, miolo, miúdos) e pele de animais terrestres e marinhos (camarão, lagosta, sardinha e outros frutos do mar).

Voltar

09/04/2019 - OUVIDORIA EM FOCO

09/04/2019 - DIA MUNDIAL DA SAÚDE

05/04/2019 - NOTA ABERTA À POPULAÇÃO

30/11/2018 - PREOCUPAÇÃO COM A PROTEÇÃO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES

09/11/2018 - DOAÇÃO DE SANGUE NO HFB

09/11/2018 - Novembro Azul conscientiza homens para prevenção do câncer de próstata.

 

HFBnet - Hospital Federal de Bonsucesso
Av. Londres 616 - Bonsucesso - Rio de Janeiro - CEP:21041-030

(21) 3977-9500
349531 visitantes