HFBnet - Hospital Federal de Bonsucesso
 
Comunicação Social  Notícias |   Clipping | Vídeo | HFB Informa | Informe HFB
Home
O Hospital
Gestão
Centro de Estudos
Comunicação Social
CCIH
Ouvidoria
HFB Ciência
Sua Saúde
Links
Recursos Humanos
Programa de Diabetes


  você está aqui > Home > Comunicação Social > Notícias

007/003/2003

HGB realiza quinta cirurgia inédita no estado



Terminou em 02/07 a quinta cirurgia inédita no estado realizada pela equipe de transplante de fígado do Hospital Geral de Bonsucesso, que há um ano atua no Rio de Janeiro. O doador, com morte cerebral, de um ano e dois meses, pesando nove quilos, teve a menor idade já registrada pelo Rio Transplante. A receptora, Ariane Monique Rodrigues Machado, 2 anos e 10 meses, está internada no CTI infantil e passa bem, após mais de 14 horas na sala de cirurgia. A operação teve início às 22:00h de terça-feira e terminou às 12:30h do dia seguinte. Antes com uma expectativa de vida de dois anos, agora Ariane ganhou uma sobrevida de 20 anos. É o 19º transplante de fígado feito pelo hospital neste ano.

"O transplante entre crianças dificulta a técnica, o que torna a cirurgia um pouco mais demorada, mas é absolutamente exeqüível", explica o cirurgião Lúcio Pacheco, da equipe do HGB. Já o Dr. Alexandre Cerqueira, que também participou da cirurgia, vai além e faz um apelo à população. "Essa é a primeira vez no Rio que se faz um transplante de fígado com um doador tão novo. As famílias das crianças, quando diagnosticada a morte encefálica, geralmente não querem doar. Este caso serve de exemplo para que as pessoas doem, pois sempre tem alguém precisando muito".

Ariane sofria de uma doença congênita chamada atresia de vias biliares, que impede a irrigação da bile produzida pelo fígado, comprometendo sua função. Há dois anos, quando descobriu que a única salvação para a menina era o transplante de fígado, seus pais tiveram que levá-la para São Paulo, pois no Rio de Janeiro ainda não havia um hospital que fizesse esta modalidade de transplante. Em janeiro deste ano, a paciente entrou para a lista de espera do HGB, onde ficou seis meses até conseguir a cirurgia.

Antes de fazer a cirurgia, Ariane teve problemas respiratórios e passou por oito pneumonias. "Foram momentos muitos difíceis, mas hoje só tenho lágrimas de felicidade, o sofrimento acabou. Sou muito agradecida à família do doador por ter salvado a vida de minha filha", comemora Jacqueline Inácio Rodrigues, mãe de Ariane, em visita à UTI Infantil. A menina faz agora trabalho intenso de fisioterapia ventilatória para poder respirar sem a ajuda de aparelhos. "A recuperação dela está seguindo de acordo com as nossas expectativas, pois o seu histórico já indicava que poderiam haver dificuldades respiratórias", conta o cirurgião Lúcio Pacheco, que faz diversas visitas por dia ao leito de Ariane.

Fisioterapia evita complicações

O fisioterapeuta Farley Campos, da UTI Neonatal e professor da Universidade Católica de Petrópolis (UCP), conta que toda a equipe está trabalhando 24 horas diariamente para manter o estado clínico da paciente estável. "O transplante em sí já traz um percentual de risco de problemas respiratórios, que passa a ser muito maior quando somado ao histórico da Ariane", explica. Com sessões a cada três horas, Farley frisa ainda que, "se não fosse a fisioterapia, certamente ela já teria passado por algum tipo de complicação". Já o fisioterapeuta André Augusto Rebelo de Souza lembra que "outra vantagem da fisioterapia é a diminuição do tempo que a paciente permane no respirador". O trabalho de fisioterapia na UTI Neonatal do HGB é realizado através de convênio com a UCP, firmado em 2001.

Voltar

09/04/2019 - OUVIDORIA EM FOCO

09/04/2019 - DIA MUNDIAL DA SAÚDE

05/04/2019 - NOTA ABERTA À POPULAÇÃO

30/11/2018 - PREOCUPAÇÃO COM A PROTEÇÃO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES

09/11/2018 - DOAÇÃO DE SANGUE NO HFB

09/11/2018 - Novembro Azul conscientiza homens para prevenção do câncer de próstata.

 

HFBnet - Hospital Federal de Bonsucesso
Av. Londres 616 - Bonsucesso - Rio de Janeiro - CEP:21041-030

(21) 3977-9500
349769 visitantes