HFBnet - Hospital Federal de Bonsucesso
 
Comunicação Social  Notícias |   Clipping | Vídeo | HFB Informa | Informe HFB
Home
O Hospital
Gestão
Centro de Estudos
Comunicação Social
CCIH
Ouvidoria
HFB Ciência
Sua Saúde
Links
Recursos Humanos
Programa de Diabetes


  você está aqui > Home > Comunicação Social > Notícias

009/20/2012

Amorvit celebra 25 anos no HFB



Texto e Foto: Fábio Borges

Com a participação de pacientes, funcionários e membros da Direção do Hospital Federal de Bonsucesso (HFB), além da presença de amigos e parceiros, a Associação dos Movimentos dos Renais Vivos do Rio de Janeiro (Amorvit), comemorou seus 25 anos de funcionamento na manhã do dia 19 de setembro, na Praça da Liberdade do Hospital.

Organizada pela Assessoria de Comunicação Social em conjunto com a Associação, a festividade teve início com a apresentação do Coral da Comlurb, que deu um brilho extra à festa, com a execução de músicas populares que animaram ainda mais os participantes. Em seguida, o diretor-geral do HFB iniciou a cerimônia lembrando o prestígio do presidente da Amorvit, Roque Pereira, pelo fato de reunir no evento diversas lideranças comunitárias e profissionais do Hospital de Bonsucesso, além dos próprios pacientes, ligados ao Transplante Renal. “Vejo aqui velhos conhecidos de longa data, grandes lutadores pelo funcionamento do SUS, como Nereu e Fátima Lopes, juntos com outros representantes da sociedade civil que estão na mesma luta, o que mostra que esta realmente é uma festa do povo”, discursou. Em seguida, citou alguns dos diversos membros da equipe do Transplante Renal presentes no evento, como o chefe da Cirurgia Vascular, Dr. Rodrigo Augusto Raymundo Silva; a chefe do Serviço de Nefrologia, Dra. Tereza Matuk; entre outros profissionais. Por fim, Dr. Flávio falou que “esta é uma homenagem muito especial e muito apropriada, pois grandes causas exigem grandes homens”, concluiu o diretor, se referindo à atuação de Roque Pereira à frente da Amorvit. “É muito bom e importante termos aqui dentro da unidade uma representação tão ética e correta da Sociedade Civil”, finalizou.

Em seguida o diretor-substituto do HFB, Dr. Moysés Retchman, falou do orgulho e da satisfação pelos 25 anos de “luta incansável da Amorvit, que tem na representação do seu presidente, Roque Pereira, seu principal expoente”. E lembrou também que ter uma representação da Sociedade Civil com sede dentro de um hospital público não é um fato comum. “Por isso chamamos está praça de “Praça da Liberdade”, por toda história de lutas deste hospital de pelo seu espírito democrático”, lembrou. Dr. Moysés finalizou ao lembrar a importância de todos os profissionais envolvidos na captação de órgãos, “desde a pessoa que abre a porta do helicóptero que trás o órgão para o hospital, passando pelas recepcionistas e seguranças que garantem a entrada desse órgão aqui no hospital, até as equipes multidisciplinares que trabalham no atendimento desde a captação até o pós-operatório do pacientes”, reconhece o médico.

A diretora de Enfermagem do HFB, Fátima Otoni, afirmou que “não há trabalho mais rico do que este realizado pelo Roque, pois ele o faz com amor e não é remunerado por isso”, lembra. A chefe do Serviço de Nefrologia, Dra. Tereza Matuk, lembrou dos membros da equipe de transplante de rim que não estavam presentes, mas que tiveram uma participação significativa na história da Amorvit, como o Dr. Hermógenes Petean, até pouco tempo chefe da Cirurgia Vascular; Dra. Deise Monteiro de Carvalho e Dr. Sérgio Monteiro de carvalho, que foram fundadores do Serviço no HFB e chefes da Unidade antes dela. “Estou aqui no Hospital desde quando ainda não havia transplante, apenas hemodiálise, e sei que o transplante não acontece sozinho. É uma prática multidisciplinar, e hoje consideramos que o Roque faz parte desta equipe”, reconheceu Dra. Tereza. Ela ainda falou da colaboração do Roque com os cursos que ele promoveu para pacientes do Transplante através da Asseciação, como os cursos para técnicos de hemodiálise e, inclusive, para os profissionais que ofereceram o Buffet servido ao final do evento - de uma empresa formada por pacientes do Hospital que fizeram o curso de capacitação pela Amorvit.

O anfitrião da festa, Roque Pereira, visivelmente emocionado, disse que “O Hospital Federal de Bonsucesso hoje é minha casa, e esta casa é minha vida”. O presidente lembrou ainda da sua atuação como conselheiro municipal e estadual e, em uma afirmação controversa, disse que se sentia privilegiado por ser um paciente renal. “Assim eu aprendi a importância de ajudar as pessoas, pois eu era muito arrogante, muito materialista, antes de me tornar um paciente renal”, afirmando ainda que “não trabalho por dinheiro”. Roque finalizou lembrando que “hoje é um dia de festa, não de críticas, mas devemos lutar muito ainda pelos direitos dos pacientes renais”, avisou.

Voltar

09/04/2019 - OUVIDORIA EM FOCO

09/04/2019 - DIA MUNDIAL DA SAÚDE

05/04/2019 - NOTA ABERTA À POPULAÇÃO

30/11/2018 - PREOCUPAÇÃO COM A PROTEÇÃO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES

09/11/2018 - DOAÇÃO DE SANGUE NO HFB

09/11/2018 - Novembro Azul conscientiza homens para prevenção do câncer de próstata.

 

HFBnet - Hospital Federal de Bonsucesso
Av. Londres 616 - Bonsucesso - Rio de Janeiro - CEP:21041-030

(21) 3977-9500
284873 visitantes