HFBnet - Hospital Federal de Bonsucesso
 
Comunicação Social  Notícias |   Clipping | Vídeo | HFB Informa | Informe HFB
Home
O Hospital
Gestão
Centro de Estudos
Comunicação Social
CCIH
Ouvidoria
HFB Ciência
Sua Saúde
Links
Recursos Humanos
Programa de Diabetes


  você está aqui > Home > Comunicação Social > Notícias

006/11/2018

HFB cria Comissão de Cuidados Paliativos



HFB cria Comissão de Cuidados Paliativos

Proposta engloba criação de enfermaria exclusiva

Com o intuito de melhorar a qualidade do tratamento de pacientes diagnosticados com câncer, e aprimorar a atenção dispensada àqueles que necessitam de acompanhamento especializado no controle dos sintomas, foi criada a Comissão de Cuidados Paliativos do Hospital Federal de Bonsucesso (HFB). “Queremos assegurar a presença em nossos quadros de profissionais capacitados em cuidados paliativos, para que os pacientes recebam assistência ainda mais qualificada, com equipe multiprofissional”, define Luana Camargo, diretora-geral do HFB, que sai na dianteira das unidades federais do Rio de Janeiro, com a instituição da Comissão, através da portaria n.º 41, de 16 de março de 2018.

Para atuar na área, profissionais do HFB participaram do curso ministrado no INCA (Instituto Nacional do Câncer) para as seis unidades do Ministério da Saúde (MS) situadas no Rio de Janeiro (RJ). Entre os integrantes estavam médicos, enfermeiros, psicólogos, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, entre outros profissionais essenciais. A proposta inclui a criação de enfermaria exclusiva para internação desses pacientes, que serão aparelhadas e dispostas de forma a promover maior aproximação do ambiente familiar – e onde profissionais de diferentes áreas poderão cuidar de forma mais efetiva dos nossos clientes.

Humanização do cuidado é o foco

Quem atua na área define o trabalho como um tratamento que confere respeito à dignidade do paciente, principalmente no que tange a sua autoestima, e com ênfase em suas necessidades individuais. “Vários fatores me levaram a sentir vontade de trabalhar com cuidados paliativos. Minha formação em geriatria, naturalmente, leva a isso. Mas nos anos em que tive a oportunidade de tratar de pacientes diagnosticados com câncer, fortaleci meu propósito de criar um serviço dedicado aos cuidados paliativos, e poder dar uma assistência mais qualificada e humana a este paciente que tanto precisa de atenção”, explica a Dra. Marcelle Nossar, responsável pelo projeto.

Em outras palavras, no tratamento paliativo o paciente se torna o centro das atenções, e tem participação ativa em seu próprio tratamento. Outra médica envolvida no projeto, Dra. Manuela Conduru, se emociona ao recordar de uma paciente que atendeu por vinte dias. “Dei alta a ela e passei a trata-la semanalmente no Ambulatório de Cuidados Paliativos. Algum tempo depois ela veio a falecer em casa, no aconchego da presença dos familiares, que me agradeceram efusivamente pelo cuidado. Percebi que a desospitalização conferiu à ela dignidade e respeito para conduzir sua situação delicada em seus próprios tempo e termos”, conta.

A Dra. Marcelle ainda faz questão de lembrar que o tratamento de cuidados paliativos vai além do mero atendimento ao paciente, pois oferece também assistência psicológica aos familiares e pessoas próximas. O resultado é o auxílio necessário à convivência com o ente querido nesta fase difícil. Essa dessa injeção de autoestima outro benefício importante. Em decorrência da transferência de controle ao paciente, não é raro observar que, em alguns casos, a doença estaciona e não evolui da forma usual. Mesmo nos pacientes que atingiram metástase, devido a sua mudança de atitude, ele adquiri uma percepção mais positiva e livre de stress.

Entenda um pouco mais sobre o tema

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), Cuidados Paliativos são ações voltadas para a melhoria da qualidade de vida de pacientes que convivem com doenças letais em estágio avançado, através da prevenção e alívio da dor e problemas associados. No Brasil, o câncer lidera as causas de morte e no Rio de Janeiro. As neoplasias representam a segunda causa de óbito na população, o que torna natural priorizar pacientes com câncer para receber esse tratamento especializado.

Estudos estimam que cerca de 60% dos doentes poderiam se beneficiar da assistência por meio do Cuidado Paliativo. Em resumo, o Cuidado Paliativo é um conjunto de ações voltadas para a proteção contra a dor e as consequências do câncer.

O atendimento

Inicialmente, o Serviço atuará em duas áreas: parecer interno, que deve ser enviado à Secretaria da Oncologia (Prédio 3/4º andar), e Ambulatório de Cuidados Paliativos. Para marcação de consultas ambulatoriais, os pacientes devem ser encaminhados com a Guia de Referência e Contra referência para a CAU (Central de Atendimento ao Usuário) – Prédio 4/térreo – em conformidade com o protocolo do Ministério da Saúde. Os pacientes de Cuidados Paliativos do Serviço de Cabeça e Pescoço, especialmente, devem agendar diretamente no Ambulatório da especialidade, no Prédio 6/2º andar.

Membros da Comissão de Cuidados Paliativos do HFB

- Marcelle Azevedo Nossar Costa, médica (presidente);

- Manuela Domingues C?onduru, médica;

- Fábio Neffa Vieira de Castro, médico;

- Maria Clara Gomes Silveira de Sá Ribeiro, psicóloga;

- Teresa Cristina Mello da Silva, psicóloga;

- Márcia Natal Batista Abreu, psicóloga;

- Valeria Pereira Calçado, enfermeira;

- Maria Lúcia Rosa Quinta, terapeuta ocupacional;

- Lidia Maria Roberto, terapeuta ocupacional;

- Elizabeth Poças Rodrigues Rego Navarro Pereira, nutricionista;

- Viviane Costa de Souza Gomes, nutricionista;

- Cláudio Jessé de Melo Paulista, assistente social;

- Rosimeri Limeira Ramos, assistente social;

- Glaucia de Melo Rodrigues, fisioterapeuta;

- Cássia Costa Lores Rodrigues, fisioterapeuta;

Voltar

21/04/2019 - INAUGURAÇÃO DE SERVIÇO

21/04/2019 - COLOCAÇÃO DE PRÓTESE FONATÓRIA

21/04/2019 - DIA DO OBSTETRA

21/04/2019 - AÇÃO INTEGRADA PARA HOSPITAIS FEDERAIS

09/04/2019 - DIA MUNDIAL DA SAÚDE

09/04/2019 - OUVIDORIA EM FOCO

 

HFBnet - Hospital Federal de Bonsucesso
Av. Londres 616 - Bonsucesso - Rio de Janeiro - CEP:21041-030

(21) 3977-9500
336509 visitantes